31 de ago de 2011

VISITANTE ILUSTRE - O SAPO


APARELHO PARA DISSOLVER CADÁVERES SERÁ VENDIDO NOS USA

TRIBUTO AO PASSADO - RIO BRANCO HÁ 67 ANOS - MERCADO MUNICIPAL

CONFIANÇA DA INDÚSTRIA CAI 2,2% DIZ FGV

RIO - Pelo oitava vez consecutiva, o Índice de Confiança da Indústria (ICI) mostrou queda, segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV). O indicador recuou 2,2% em agosto, após cair 2% em julho. O indicador, que vai até 200 pontos, caiu de 105,0 pontos para 102,7 pontos de julho para agosto. Este é o menor nível de confiança da indústria desde agosto de 2009 (100,2 pontos), ficando ainda abaixo da média registrada desde 2003 (104 pontos).

O recuo da confiança em agosto foi influenciado principalmente por uma piora nas expectativas dos empresários. Entre os dois subindicadores componentes do ICI, o Índice da Situação Atual (ISA) caiu 3,6%, após mostrar um recuo de 0,3% em julho. Já o segundo componente do ICI, o Índice de Expectativas (IE), teve uma queda mais modesta, de 0,7%, ante uma retração de 3,7% apurada em julho. A FGV alertou que ambos os indicadores estão abaixo de suas médias históricas recentes, sinalizando um desempenho fraco da indústria no terceiro trimestre.

Na comparação com agosto do ano passado, o ICI registrou queda de 9,2% em agosto deste ano, mais forte que a apurada em julho (8%), no mesmo tipo de comparação. Ainda na comparação com agosto do ano passado, houve quedas de 10,3% e de 8,1%, respectivamente, para o Índice de Situação Atual e para o Índice de Expectativas, em agosto deste ano. O levantamento para o cálculo do índice foi feito entre os dias 4 e 26 deste mês, em uma amostra de 1.174 empresas informantes.

Capacidade utilizada

O Nível de Utilização de Capacidade Instalada (Nuci) da indústria, com ajuste sazonal, mostrou desaceleração e ficou em 83,6% em agosto, após atingir o patamar de 84,1% em julho. Este foi o menor nível desde agosto de 2009 (82,9%).

Ainda de acordo com a fundação, o nível atual supera em 0,3 ponto porcentual a média registrada desde 2003, mas está 1 ponto porcentual abaixo da média apurada nos 12 meses até agosto. Na série de dados sem ajuste sazonal, o Nível de Utilização de Capacidade Instalada em agosto foi de 84,0%, ficando estável em relação a julho.

FALANDO EM BRASÍLIA...

SUPER HOMEM NA IGREJA?
Então a coisa tá feia mesmo. Dizem as más línguas que essa igreja é em Brasília.

VOTE CONTRA A CORRUPÇÃO, SEJA UM CIDADÃO...

Há uma enquete no site do Senado pesquisando a opinião pública sobre um projeto de lei que vai colocar corrupção no rol dos crimes hediondos.

Até agora 97% dos votos foram “a favor” mas foram menos de dois mil votos!

Acesse o link abaixo e a enquete está na barra do lado direito da página:

http://www.senado.gov.br/noticias/principal.aspx

IMAGEM DO DIA - TRANQUILIDADE EM ALGUM LUGAR DO PLANETA

30 de ago de 2011

DILMA VINCULA APROVAÇÃO DE EMENDA DA SAÚDE A "NOVA CPMF"

Em reunião do Conselho Político, convocada para anunciar novo ajuste fiscal e pedir a aliados que barrem projetos com potencial para aumentar gastos, a presidente Dilma Rousseff condicionou a votação da Emenda 29 – que define gastos da União, Estados e municípios com a saúde – a uma fonte de receitas. A votação da proposta foi marcada para 28 de setembro pelo presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), em acordo com líderes partidários, sem apoio do governo.
 
Apesar dos apelos do Planalto, há uma crescente pressão dos deputados para a votação do projeto no dia marcado por Maia. Hoje, os líderes reúnem-se para tentar encontrar uma fonte de financiamento. Levantamento feito pelo Estado mostra que 14 dos 17 governadores consultados são favoráveis à regulamentação da emenda.
Embora Dilma não tenha falado em ressuscitar a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), todos os participantes da reunião do Conselho Político entenderam que recursos para o setor só serão possíveis com um novo tributo. O governo não quer ser o autor de uma proposta de aumento de impostos e, por isso, transfere o debate ao Congresso e aos governadores. Durante a campanha eleitoral, Dilma defendeu a regulamentação da Emenda 29.

OBRIGADO ISAAC! ISSO FAZ COM QUE CADA VEZ MAIS EU PROCURE O EQUILÍBRIO

Surpreendentemente recebo uma carta (como é bom sentir essa sensação novamente de abrir um envelope que não seja conta pra pagar), do meu amigo Isaac que se encontra em BH conduzindo magistralmente sua evolução espiritual sem deixar nada, absolutamente nada passar pela sua avaliação e discernimento, seja dogma, ideologia pra Inglês vê, historinha, ou lenda.

Na verdade é um cartão postal. Um cartão postal de Ouro Preto onde tem no seu centro o museu da inconfidência um dos museus mais esperados pela minha insaciável vontade de viajar ao passado.


Junto ao cartão uma imagem em tecido da Nossa Senhora de Guadalupe direto do México! 


O que me fez dar preferência e me afastar de cidades grandes procurando sempre para morar cidades pequenas, é ver o aumento da ostentação nos grandes centros, coisa que muito me incomodou, pois isso desequilibra o motivo de estarmos nesse planeta.


Amizades como a de Issac Melo, pessoa simples, mas ao mesmo tempo crítica e inteligente, e que não tem vergonha de suas raízes faz com que tudo pareça mais simples. Se eu pudesse defini-lo em uma frase eu diria que seria: Ser feliz é não ter vergonha de nada.
Orgulho-me cadê vez mais de nunca ter lido uma linha se quer sobre, por exemplo, colunas sociais. A simplicidade nos faz mais leve.


O Mundo está desequilibrado, não deveríamos ir nem muito ao céu nem muito à terra; todo fundamentalismo é perigoso. Um exemplo vivo é que os Estados Unidos se capitalizam tanto que parece às vezes frágil como um cristal de 1929. Ao mesmo tempo Cuba é uma espécie de vitrine onde se pode ver como se distribui a miséria. O ser humano precisa achar seu ponto de equilíbrio.

O universo tem que estar em equilíbrio, a balança da justiça tem que estar equilibrada, nossa alimentação tem que ser equilibrada, o avião pra voar precisa de um centro de gravidade, os pneus do seu carro precisam estar calibrados.

Quando vejo o que o ser humano está fazendo com o planeta lembro da mensagem que o filme “O DIA EM QUE A TERRA PAROU” transmite.

Passou da hora de refletirmos a nossa existência.

CHARGE DO DIA - 3

É ISSO AÍ...

29 de ago de 2011

NOVA FRENTE FRIA CHEGA AO ACRE NESTA QUARTA-FEIRA

A temperatura começa a cair na tarde de quarta-feira (31), com a chegada de ventos fortes, acima de 60 km/h.
Luciano Tavares, para Agência ContilNet

Mais uma frente fria se aproxima do Acre, só que com menor intensidade que a da semana passada.

A temperatura começa a cair na tarde de quarta-feira (31), com a chegada de ventos fortes, acima de 60 km/h. Nas manhãs de quinta e sexta-feira (2) a temperatura deve oscilar entre 14º e 16º.

Já durante o dia de quinta-feira, a temperatura deve ficar abaixo dos 27 graus, com sol aparecendo e ventos fortes. Ao contrário do que muita gente diz, o meteorologista Davi Friale informa que os frios mais intensos no Acre sempre acontecem no mês de agosto.

“Desde 1960, que foi quando as estações meteorológicas foram instaladas no Acre, sempre se registrou mais frio no mês de agosto, inclusive, o maior frio, cinco graus e oito décimos, foi em 14 de agosto de 1975”, informa o meteorologista.

ERRATA

Atenção: Na 1ª foto legendada abaixo o Padre Rodolfo estava sem número e o Jofre Catão estava numerado errado. Agora já está certo.
Obrigado pela atenção

TRIBUTO AO PASSADO - INAUGURAÇÃO DO BASA EM TARAUACÁ HÁ 55 ANOS


Foto legendada: clique para ampliar

LEIA O CÓDIGO DE ÉTICA DO JORNALISTA

SOMENTE 8% DOS PRESOS NO BRASIL VÃO À ESCOLA, REVELA PESQUISA

Estados não estão preparados para aplicar nova lei que diminui a pena de quem estuda na prisão
29 de agosto de 2011
Bruno Lupion e Ricardo Chapola, do estadão.com.br

SÃO PAULO - Desde junho, os presos brasileiros têm direito a reduzir um dia da sua pena a cada três dias dedicados ao estudo. O objetivo é ajudar os detentos a conseguir emprego quando forem soltos e diminuir a reincidência, mas a medida corre risco de não sair do papel. Dos cerca de 500 mil presos no Brasil, apenas 8% estudam, segundo pesquisa inédita obtida pelo estadão.com.br. A demanda por ensino é muito maior - 64% dos presos não completaram o ensino fundamental - mas faltam recursos para levar as salas de aula para dentro dos presídios. Quem ganha com isso, segundo especialistas, é a escola do crime.

Dos cerca de 500 mil presos no Brasil, apenas 8% estudam, aponta pesquisa - Divulgação/CDP
Divulgação/CDP
Dos cerca de 500 mil presos no Brasil, apenas 8% estudam, aponta pesquisa

A situação nos Estados é crítica. Em 12 deles, não há nenhum professor atuando dentro do sistema penitenciário, e em 21 a proporção de presos estudando é menor que 10%, segundo levantamento do Instituto de Pesquisa e Cultura Luiz Flávio Gomes, a partir de dados do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) de dezembro de 2010.

Mesmo nos Estados mais ricos, parece ser baixo o interesse em aplicar a Lei nº 12.433/11, que criou o benefício conhecido por remição pelo estudo. Em São Paulo, por exemplo, não há nenhum professor dando aulas aos presos - a docência é exercida por 50 'monitores' selecionados entre os próprios detentos, que lecionam para 15 mil dos 170 mil presos do Estado - menos de 9%. No Rio Grande do Sul, 5% dos presos estudam, e em Goiás e Minas Gerais, apenas 4%. A pior situação é no Pará, onde nenhum detento estuda, apesar de o Estado ter declarado ao Depen que cinco professores e dois pedagogos atuam no sistema prisional. Pernambuco é o Estado mais bem preparado, com 17% dos presos tendo aulas, seguido pelo Ceará, com 15%.

O baixo investimento na educação em presídios contribuiu para as altas taxas de reincidência, segundo especialistas. "O Estado precisa disputar contra o crime organizado o destino dos presos, pois muitos deles são novatos quando entram no sistema penitenciário", opina Fábio Sá e Silva, pesquisador do Ipea e ex-dirigente do Depen. "A pessoa está no presídio numa situação de ociosidade e, se ela tem a oportunidade de estudar, aumentam as chances de reinserção", diz. "Quem entra na prisão já é um desajustado social, e se lá dentro não recebe nenhum tipo de apoio, volta pra sociedade muito pior", diz o jurista Luiz Flávio Gomes.

IMAGEM DO DIA - QUE SUA SEMANA SEJA SERENA COMO A SENSAÇÃO DESTA FOTO

28 de ago de 2011

RIO DE 6 MIL KM É DESCOBERTO EMBAIXO DO RIO AMAZONAS

AE - Agência Estado
Pesquisadores do Observatório Nacional (ON) encontraram evidências de um rio subterrâneo de 6 mil quilômetros de extensão que corre embaixo do Rio Amazonas, a uma profundidade de 4 mil metros. Os dois cursos d?água têm o mesmo sentido de fluxo - de oeste para leste -, mas se comportam de forma diferente. A descoberta foi possível graças aos dados de temperatura de 241 poços profundos perfurados pela Petrobras nas décadas de 1970 e 1980, na região amazônica. A estatal procurava petróleo.

Fluidos que se movimentam por meios porosos - como a água que corre por dentro dos sedimentos sob a Bacia Amazônica - costumam produzir sutis variações de temperatura. Com a informação térmica fornecida pela Petrobras, os cientistas Valiya Hamza, da Coordenação de Geofísica do Observatório Nacional, e a professora Elizabeth Tavares Pimentel, da Universidade Federal do Amazonas, identificaram a movimentação de águas subterrâneas em profundidades de até 4 mil metros.

O dados do doutorado de Elizabeth, sob orientação de Hamza, foram apresentados na semana passada no 12.º Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Geofísica, no Rio. Em homenagem ao orientador, um pesquisador indiano que vive no Brasil desde 1974, os cientistas batizaram o fluxo subterrâneo de Rio Hamza.

Características

A vazão média do Rio Amazonas é estimada em 133 mil metros cúbicos de água por segundo (m3/s). O fluxo subterrâneo contém apenas 2% desse volume com uma vazão de 3 mil m3/s - maior que a do Rio São Francisco, que corta Minas e o Nordeste e beneficia 13 milhões de pessoas, de 2,7 mil m3/s. Para se ter uma ideia da força do Hamza, quando a calha do Rio Tietê, em São Paulo, está cheia, a vazão alcança pouco mais de 1 mil m3/s.

As diferenças entre o Amazonas e o Hamza também são significativas quando se compara a largura e a velocidade do curso d?água dos dois rios. Enquanto as margens do Amazonas distam de 1 a 100 quilômetros, a largura do rio subterrâneo varia de 200 a 400 quilômetros. Por outro lado, a s águas do Amazonas correm de 0,1 a 2 metros por segundo, dependendo do local. Embaixo da terra, a velocidade é muito menor: de 10 a 100 metros por ano.

Há uma explicação simples para a lentidão subterrânea. Na superfície, a água movimenta-se sobre a calha do rio, como um líquido que escorre sobre a superfície. Nas profundezas, não há um túnel por onde a água possa correr. Ela vence pouco a pouco a resistência de sedimentos que atuam como uma gigantesca esponja: o líquido caminha pelos poros da rocha rumo ao mar. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

CHARGE DO DIA

DA SÉRIE: DESENHOS NOS MEUS LIVROS DE 5ª SÉRIE - VI

26 de ago de 2011

TRIBUTO AO PASSADO - TARAUACÁ HÁ 34 ANOS

MINHA COLUNA 26/08/2011

"Ser bom, não é não ser mal"


Se seu time de futebol começa com a letra “A” comece a se preocupar.
Olhe na tabela ao lado e veja que estão nas últimas posições.

Curto e rápido
Quem matou a Juíza no RJ, foi a omissão da própria justiça. Pronto!

Pra que Constituição?   
Deixa os “funcionários” no Senado fazerem o que quiserem. Rasga isso.
   
Droga
Dizem os especialistas, que o que é preso é somente 10%. Imaginem então o consumo e o comércio que tá rolando?

É uma pena, mas...
Enquanto a imprensa priorizar somente o que é popular, muito dos que poderiam fazer sucesso nesse país não farão ou demorarão a fazê-lo.

Em tempo:
Meus parabéns a PM de Tarauacá pelo trabalho preventivo contra embriaguez ao volante.

Mesmo assim...
O número de acidentes ainda é enorme em Tarauacá. Tem que ser ao menos duas vezes por semana. Nossos filhos correm perigo.

Ferrari amarela em Tarauacá
Foi uma “patrol” que passou em frente à igreja matriz outro dia. Só faltou cantar pneu. Além dessa “patrol” têm umas caçambas que eu vou te contar heim?! Depois que matar uma criança não adianta chorar.

Falando em caminhão
Eu sei que é caro chefe, mas tá na hora de trocar esse pneu, não tá não? Ou então coloca um sensor pra guimba de cigarro, se não pode passar por cima de uma e ele explodir. Tem pelo menos freio, esse bicho?

Nossa Senhora!
É muito acidente pra um município tão pequeno. É sempre bom lembrar que a mesma velocidade que emociona é a que mata. Deveria haver placas lembrando isso.

Será?
Será que tem alguma autoridade que está deixando de cumprir sua função?

Outro tipo de perigo
É quando uma criança de bicicleta fica empinando a bicicleta e desequilibrada vem pra cima da gente no meio da rua.

A Democracia no Brasil é nova, e daí?
Isso não é desculpa para o assalto que estão fazendo aos cofres públicos nesse país.

O problema
São as velhas raposas.

Se essa rua, se essa rua fosse minha...
Se o rio tivesse peixe, os catraieiros poderiam virar pescador. Mas piscicultura aqui por enquanto só de açude mesmo.

Falando em catraieiro I
Isso me lembra ponte, ponte me lembra que a daqui de Tarauacá ainda não tem nome. Dr. Sanderson Moura com muita propriedade sugeriu que fosse chamada de ponte Amin Kontar. Se demorar muito vai ficar conhecida como ponte sem nome.

Falando em catraieiro II
Já resolveram à situação deles?

Não tem dinheiro por quê?
Não era só uma marolinha?

Não estávamos preparados?
Por que então reduzir a previsão do PIB?
Ou?
Gastaram demais na campanha ao ponto de ter que tirar dos bons velhinhos.

Olha o respeito
Tem carro de som aqui em Tarauacá passando perto de escola que professor tem que interromper a aula.

A política está meio passional
Seria melhor usar só a razão. A vida dos munícipes estaria bem melhor.

Dois pesos e duas medidas?
Não entendi a resposta da Secretária Estadual de Saúde em relação ao aparelho de ultrassonografia aqui em Tarauacá. Quer dizer que o Dr. Rodrigo Damasceno não pode atender na maternidade por causa de infecção hospitalar, mas qualquer um pode ir lá fazer o exame?

Dúvida I
O Criança Esperança já completou vinte e poucos anos, o programa não dá resultado prático, ou o Brasil estaria pior sem ele?

Pelo menos a médio prazo?
Aqui no Acre tem muito programa anunciado, vamos ver se pelo menos o índice de violência diminui. Será que vai diminuir?

Cuidado com o que você anda fazendo por aí  no meio da rua. Estão de olho em você.
Um dia esse país pode ter leis que sejam cumpridas.

Vergonhoso I
Bulling
Cinegrafista amador flagra estudantes se agredindo em praça pública

Vergonhoso II
Zombando da justiça
Presa faz pose para as Câmeras

O REVOLTADO

25 de ago de 2011

COMO UM BURACO NEGRO DEVORA UMA ESTRELA?


 Por Jesus Diaz
 
No final de março, o satélite Swift da NASA detectou uma explosão incomum de energia na constelação Draco. A NASA agora sabe o que foi: “o acordar de um buraco negro dormente em uma galáxia distante, enquanto ele destroçava e consumia uma estrela”. Esta simulação mostra como isto acontece:

Quando uma estrela cai em direção a um buraco negro, ela é rasgada por correntes intensas. O gás fica encurralado em um disco que gira ao redor do buraco negro, e se aquece rapidamente a temperaturas de milhões de graus.

O gás interior do disco se move em espiral em direção ao buraco negro, onde o movimento rápido e o magnetismo criam canais duplos e em direções opostas, através dos quais algumas partículas podem escapar. Jatos de partículas, que levam matéria a velocidades acima de 80-90% da velocidade da luz, se formam ao longo do eixo de rotação do buraco negro. No caso da Swift J1644+57, aconteceu de um desses jatos apontar direto para a Terra.

De acordo com os pesquisadores, o buraco negro pode ter “o dobro da massa do buraco negro com quatro milhões de vezes a massa do Sol que se esconde no centro da nossa própria Via Láctea”. 

TRIBUTO AO PASSADO - SENHORAS DE TARAUACÁ

AS SENHORAS  FRANCISCA BAYMA; RAIMUNDA SOARES; ALTEMIRA.

PARABÉNS AO SOLADADO BRASILEIRO PELO PROFISSIONALISMO

Senhor, umas casas existem, no vosso reino onde homens vivem em comum, comendo do mesmo alimento, dormindo em leitos iguais. De manhã, a um toque de corneta se levantam para obedecer. De noite, a outro toque de corneta se deitam, obedecendo. Da vontade fizeram renuncia como da vida. Seu nome é Sacrifício. Por ofício desprezam a morte e o sofrimento físico. Seus pecados mesmo são generosos, facilmente esplêndidos. A beleza de suas ações é tão grande que os poetas não se cansam de celebrar.Quando eles passam juntos, fazendo barulho, os corações mais cansados sentem estremecer alguma coisa dentro de si. A gente conhece-os por militares…

Corações mesquinhos lançam-lhes em rosto o pão que comem; como se os cobres do pré pudessem pagar a Liberdade e a Vida. Publicistas de vista curta acham-nos caros de mais, como se alguma coisa houvesse mais cara que a servidão. Eles, porém, calados, continuam guardando a Nação do estrangeiro e de si mesma. Pelo preço de sua sujeição eles compram a liberdade para todos e defendem da invasão estranha e do jugo das paixões. Se a força das coisas os impede agora de fazer em rigor tudo isto, algum dia o fizeram,algum dia o farão. E, desde hoje, é como se fizessem. Porque por definição o homem da guerra é nobre. E quando ele se põe em marcha, à sua esquerda vai a coragem, e à sua direita a disciplina.
(Trecho da carta escrita por Moniz Barreto, em 1893, a El Rei de Portugal, publicada no jornal do Exército de Portugal, nº 306)


Emocionante trecho final da carta de uma mãe anônima a seu filho (também anônimo) pelo dia do soldado:
"...Durante vinte anos, tu te curvaste reverente diante de mim, beijando a mão que te acariciou e te guiou. Hoje sou eu que me inclino, respeitosamente diante de ti, porque tu és um SOLDADO BRASILEIRO, porque tu representas uma partícula da Pátria, da sua  coragem, da sua honra e da sua força."

AGRICULTORS DO ALTO ACRE DIZEM QUE NÃO CUMPRIRÃO DECISÃO DE "FOGO ZERO" DO TRF

A decisão dos deputados estaduais de se contrapor a decisão do Tribunal Regional Federal (TRF), que proibiu queimada em 17 municípios do Acre, inclusive, para a criação de novos roçados, começa a ganhar corpo nos movimentos sociais. Na manhã de quarta-feira, representantes políticos e sindicais e associação de produtores, procuram o líder do governo, Moisés Diniz (PC do B), para anunciar que não cumprirão a determinação do TRF.

A comissão de líderes sindicais e produtores rurais do Alto Acre, que foi trazida a Rio Branco, pelo vereador Lacerda (PC do B), acreditam que a situação vai se tornar crítica em Brasiléia, Epitaciolância, Assis Brasil e Xapuri. “O fogo vai acontecer, e de forma descontrolada. Os agricultores não teriam como sobreviver nem sustentar suas famílias sem plantar e, para plantar é necessário queimar e é isso que vai acontecer mesmo sem autorização”, diz Lacerda.

Segundo o vereador de Brasiléia, os produtores da região do Alto Acre, preparam um grande movimento na capital do Estado, para pressionar as instituições públicas da real situação dos produtores rurais do Acre, que de acordo com eles, não teriam condições de mecanizar as terras por falta de assistência técnica e estrutura de ramais e estradas para que as máquinas possam chegar às propriedades rurais mais remotas do interior.

Os pequenos produtores contestam ainda, a possibilidade de uma mecanização sem causar impacto ambiental. “Os produtores estão engessados com o número de exigências dos órgãos de ambientais. Somos castigados por pessoas que não conhecem a realidade da Amazônia, mesmo que se faça a mecanização, que no caso do Acre, não seria fácil, causaria impacto ambiental tão grande quanto às queimadas”, diz o sindicalista Raimundo Ferreira.

Aproximadamente 60% da população do município de Brasiléia, seria da zona rural, pessoas que tiram o sustento diretamente da terra. Se a decisão do TRF não for revista o caos sociais será tão grande e incontrolável quanto às queimadas criminosas. Os produtores acreditam que os proprietários de áreas rurais vão queimar de forma criminosa e formular denúncias na delegacia, para se livrar das punições e multas dos órgãos ambientais.

“Não estamos defendendo o desmate ou a queimada criminosa, estamos defendendo uma questão de sobrevivência dos milhares de famílias espalhadas pelo interior do Estado. Quando foi para atender os interesses dos grandes pecuaristas, o governo federal autorizou e até aprovou incentivos para as derrubadas e queimadas para formação de pastos, a mesma medida tem que ser adotada para os pequenos que usam a terra como modo de sobrevivência e sustento de suas famílias”, acrescenta Raimundo Ferreira.
Ray Melo, da redação de ac24horas

NOVO TIPO DE RELAXAMENTO - SE FOSSE EM TARAUACÁ TINHA GENTE SE AFOGANDO

Visitantes relaxam na piscina de cerveja oferecida por fabricante na Áustria. Por 135 euros, o equivalente a cerca de R$ 360, é possível nadar por duas horas na cerveja, fabricada no local.
O spa oferece 7 piscinas, todas preenchidas com cerveja. O líquido é trocado a cada sessão. De acordo com os proprietários, o banho de cerveja limpa a pele, ajuda a cicatrizar feridas e combate doenças.

24 de ago de 2011

CHEFE DA DEFESA CIVIL DO PERU DÁ ENTREVISTA PARA TV

TREMOR DE TERRA EM TARAUACÁ +/- ÀS 13:50 Hs

Ás 13:50hs de hoje a terra em Tarauacá tremeu muito. Estou acompanhando no painel global para obter maiores informações. Seria interessante liberar os alunos, porque pode haver réplicas.
Clique aqui e acompanhe.
Atenção: Aparentemente não houve nenhum desabamento ou desmoronamento, vou sair para averiguar.
Pronto! Foi no norte do Peru a 145 Km de profundidade e 7.0 graus na escala Richter. Foi considerado muito forte. Energia: 474330 Toneladas de TNT.
BA = 23.7 -  Quantidade de bombas atômicas equivalentes à de Hiroshima, de 20 Ktons de TNT 
Os USA tiveram duas ocorrências de terremotos e um furacão "Irene" se aproxima, é o da seta na foto abaixo.
Acompanhe aqui também.

DA CUBA BRASILEIRA A CUBA CUBANA

Fui pessoalmente conhecer a OCA em Rio Branco (Organização de Centros de Atendimento ao Cidadão), que oferece no mínimo 500 serviços, de 26 instituições e é digna de elogio. Bem localizada no centro da cidade facilita em muito a vida do cidadão acreano.  

A evolução e revolução econômica a sua volta começa a ser notada.

De um estacionamento que havia nas proximidades, passou-se a ter três, fora o estacionamento na própria área da OCA administrada pela empresa Cuba. Aí que está a questão. Estão querendo que se retire a cobrança do estacionamento. 
  
O que as pessoas precisam admitir de uma vez por todas, é que tudo tem um custo e essa cobrança é uma forma de manter a qualidade do serviço. Um bom exemplo disso é a Cuba cubana, devido ao seu pequeno mercado interno e os últimos abalos que sua economia sentiu, decidiram abrir seu mercado. Segundo as palavras de Raul Castro em dezembro de 2010, “Estamos caminhando à beira de um precipício; precisamos retificar agora ou será tarde demais e desabaremos” isso faz sentido. 


Então se a Cuba cubana pode se capitalizar, por que a brasileira não pode?

ENQUANTO ISSO NO PAÍS EM QUE CADA QUINTAL VIRA UMA CONSTRUTORA...


QUE COISA É ESSA?


23 de ago de 2011

SEREMOS ALGUM DIA JAPONESES?

RUTH DE AQUINO  é colunista de ÉPOCA
raquino@edglobo.com.br
O dinheiro e as barras de ouro estavam em cofres e carteiras de vítimas do tsunami no Japão. Em casas e empresas destruídas. Nas ruas, entre escombros e lixo. Ao todo, o equivalente a R$ 125 milhões. Dinheiro achado não tem dono. Certo? Para centenas ou milhares de japoneses que entregaram o que encontraram à polícia, a máxima de sua vida é outra: não fico com o que não é meu. E em quem eles confiaram? Na polícia, que localizou as pessoas em abrigos ou na casa de parentes e já conseguiu devolver 96% do dinheiro.
A reportagem foi do correspondente da TV Globo na Ásia, Roberto Kovalick. A história encantou. “Você viu o que os japoneses fizeram?” Natural a surpresa. Num país como o Brasil, onde a verba destinada às inundações na serra do Rio de Janeiro vai para o bolso de prefeitos, secretários e empresários, em vez de ajudar as vítimas que perderam tudo, esse exemplo de cidadania parece um conto de fadas. O que aconteceu em Teresópolis e Nova Friburgo não foi um mero e imoral desvio de dinheiro público. Foi covardia.
Político japonês não é santo. Mas digamos que, em alguns países, os valores da população são menos complacentes do que em nosso cordial patropi. E a impunidade não é regra. Em que instante a nossa malandragem deixa de ser folclórica e cultural e passa a ser crime de desonestidade? Por que a lei de tirar vantagem em tudo está incrustada na mente de tantos brasileiros? A tal ponto que os honestos passam a ser otários porque o mundo seria dos espertos?
A presidente Dilma Rousseff não parece fazer parte do time dos espertos. É o que tem atraído para ela um tsunami de simpatia popular. Você deve ter reparado. Ao discursar, Dilma não faz piada, não diz palavrão, nem comete analogias com o futebol. Ao contrário. Ela é a antítese do palanqueiro populista. Tem dificuldade em falar a linguagem do povão até quando coloca o chapéu das Margaridas, as trabalhadoras rurais. Promete “implantar, implementar, disponibilizar”.
Eles devolveram às vítimas do tsunami R$ 125 milhões. Precisamos – nós e a polícia – aprender a agir assim
Seu desconforto com o palco é evidente. Dilma lê. Não é bom para ela, porque os olhos baixam. A leitura torna o discurso mais frio e hesitante, porque há vírgulas. Ela tropeça nos travessões. Seu pensamento não flui. É pedir demais que ela se torne um dia uma oradora que arrebate multidões. Mas a ausência de carisma parece não importar ao brasileiro. O eleitor não aguenta mais a cambada que suga recursos de nossa Saúde, nossa Educação. Dilma parece um peixe fora do aquário de piranhas políticas. E por isso conquista.
“Quero reafirmar a importância concreta e simbólica do pacto que firmamos hoje. É o Brasil fazendo a faxina que tem que fazer, a faxina contra a miséria”, disse Dilma na sede do governo de São Paulo. Foi um discurso para calar quem tenta isolar a presidente. Ela quis mostrar que está acima das disputas palacianas e não está sozinha coisa nenhuma. O “pacto republicano” de Dilma é suprapartidário. As fotos do “flerte” com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso devem ter causado urticária ao PT. Onde está mesmo a “herança maldita”?
Leitores me pediram para encampar a campanha anticorrupção do gaúcho Pedro Simon. Esta coluna não precisa encampar nada. Simon disse: “A sociedade tem que liderar o movimento”. É patético o coro de “volta, Lula”, ensaiado pelos que comiam churrasco no Palácio da Alvorada e hoje se veem privados da picanha presidencial.
As redes sociais começam a se mobilizar. Cariocas marcaram para 20 de setembro um grande ato contra a corrupção, na Cinelândia, centro do Rio, onde 200 mil pediram em 1984 as Diretas Já. “Queremos evitar batuque, por isso não escolhemos a orla”, dizem os organizadores. Há a sensação de que o movimento precisa estar nas ruas para ganhar legitimidade.
Políticos incomodados tentam nos impingir o medo. Uma frente anticorrupção jogaria o país na anarquia ou na ditadura. Isso é conversa para brasileiro dormir. Um dia, todos precisaremos aprender que não se coloca no bolso, na bolsa, nas meias e nas cuecas um dinheiro que não nos pertence. É roubo.

O GUERREIRO BUCHUDO

A SAÍDA É POR ALÍ...


A continuar assim sem jogo de cintura a nossa Presidente corre freneticamente para a ponta do trampolim do pirata.

Lutando desesperadamente contra a corrupção que recai sobre seu governo a Presidente Dilma Rousseff, já demitiu quatro ministros em apenas 8 meses de mandato. Não sei se isso é um recorde, o que sei é que ela escolheu uma hora bem delicada para consertar as coisas. Esperemos que dê certo. O estranho é que nenhum Deputado do seu lado ainda fez greve de fome em seu apoio aos moldes do indiano Anna Hazare. Seria até bom, pois tem uns claramente “acima do peso”.

VISITANTE ILUSTRE - 02/08/2011

22 de ago de 2011

SALVO PELA GENTILEZA

Conta-se uma história de um empregado em um frigorifico da Noruega.

Certo dia ao término do trabalho, foi inspecionar a câmara frigorifica. Inexplicavelmente, a porta se fechou e ele ficou preso dentro da camara. Bateu na porta com força, gritou por socorro mas ninguém o ouviu, todos já haviam saido para suas casas e era impossível que alguém pudesse escutá-lo.

Já estava quase cinco horas preso, debilitado com a temperatura insuportável. De repente a porta se abriu e o vigia entrou na câmara e o resgatou com vida. Depois de salvar a vida do homem, perguntaram ao vigia:
Porque foi abrir a porta da câmara se isto não fazia parte da sua rotina de trabalho ?.
Ele explicou: Trabalho nesta empresa há 35 anos, centenas de empregados entram e saem aqui todos os dias e ele é o único que me cumprimenta ao chegar pela manhã e se despede de mim ao sair.
Hoje pela manhã disse “Bom dia” quando chegou.
Entretanto não se despediu de mim na hora da saída.  Imaginei que poderia ter-lhe acontecido algo. Por isto o procurei e o encontrei... 
Nota do Blog: "EDUCAÇÃO É O CONJUNTO DE HÁBITOS ADQUIRIDOS"... 

TRIBUTO AO PASSADO - RIO BRANCO - CONSTRUÇÃO DO BANACRE

CHARGE DO DIA - 1

O TEMPO AGORA EM TARAUACÁ - 08:13Hs

Tarauacá amanheceu com 14.4ºc e neste momento está com 14.8ºc. Fina camada de stratus dando para ver seu final no horizonte.
Parece que vem outra frente atrás dessa...

HORA DO LANCHE