26 de mai de 2015

HOMEM É ACUSADO DE ABUSAR DE CRIANÇA DE 2 ANOS EM ALDEIA INDÍGENA


Everton Damasceno - Um indígena de 33 anos cujo nome não foi identificado, e que reside em uma aldeia próxima ao município de Boca do Acre (AM), foi acusado de abusar sexualmente de uma criança de dois anos de idade. 

O agressor residia na casa da família da criança há cinco anos, numa aldeia chamada Camicuã. Segundo a polícia, o abuso foi flagrado pela mãe da criança que, ao limpar debaixo do assoalho da casa, ouviu um barulho estranho (como gritos e sussurros) vindo do interior da casa. Ao subir, deparou-se com a criança despida, e o acusado tentando abusar da mesma. A mãe desesperada gritou pelo marido e pelos vizinhos. 

Mesmo tendo tentado fugir, o homem foi detido por alguns vizinhos e pelo pai da vítima até a chegada da polícia, que o encaminhou à 61ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP). O acusado foi pego em flagrante e vai responder preso ao crime.

A criança foi atendida primeiramente por um agente de saúde e depois encaminhada ao hospital de Boca do Acre. Ela também foi submetida ao exame de corpo de delito, que constatou a não violação nas partes íntimas da criança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.