30 de jun de 2015

DEPUTADO JESUS QUER RESTRINGIR O USO DE CELULAR NAS SALAS DE AULAS DAS ESCOLAS DO ACRE



Ray Melo  - O deputado estadual Jesus Sérgio (PDT) quer proibir o uso de celular nas salas de aulas dos estabelecimentos de ensino do Estado. Ele apresentou um projeto na manhã desta terça-feira (30), na ALEAC, que regulamenta a utilização de aparelhos celulares e equipamentos eletrônicos nas salas de aulas, bibliotecas e outros espaços de estudo das instituições de ensino públicas e particulares.
O projeto de Jesus abre exceções para a utilização, como o uso com autorização do professor para desenvolvimento de atividades pedagógicas. Nos demais espaços, exceto se no “modo silencioso” ou para auxílio pedagógico. O deputado também propõe que os celulares e aparelhos digitais deverão ser mantidos desligados, enquanto permanecerem nos espaços das escolas.

Jesus Sérgio, que tem 20 anos em docência em matemática, justifica a necessidade de sua medida. “Muitos alunos não observam o contrato e passam a utilizar o celular em sala de aula. A intenção é que os equipamentos sejam utilizados com o acompanhamento do professor e dentro de um planejamento, no intuito de preservar a essência do ambiente pedagógico”.

“É sabido ainda que o uso do referido equipamento prejudica a concentração e leitura dos estudantes, uma vez que o acesso à internet possibilita a navegação nas redes sociais, sem contar o envio de mensagens instantâneas ou até mesmo ouvindo músicas com fones de ouvido e atendendo ligações”, diz o deputado Jesus Sérgio, para justificar a necessidade do projeto.

JESUS SÉRGIO DESTACA EFETIVAÇÃO DO DELEGADO JOSÉ OBETÂNIO EM TARAUACÁ


Da Assessoria - Os munícipes taraucaenses comemoram a decisão do delegado de Polícia Civil José Obetânio, em permanecer na cidade, após substituir as férias do delegado Samuel Silva. Mesmo que interinamente, José Obetânio ganhou a simpatia das corporações (policiais civis, militares e demais autoridades) e, principalmente da população, em virtude do excelente serviço prestado. A atuação do delegado refletiu diretamente nos índices de violência, roubos e furtos, que caíram significativamente e devem seguir em baixa.


A permanência do Delegado foi possível graças à sensibilidade do governador Sebastião Viana, que atendeu ao pedido da população e autoridades que reivindicavam a transferência do mesmo, de Manoel Urbano para Tarauacá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.