15 de jun de 2015

GOVERNO FORTALECE AÇÕES PARA DOBRAR PRODUÇÃO DE MEL NO ESTADO


O governador demandou que a Seaprof proceda com o processo licitatório para a construção da fábrica de mel (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
Por Ana Paula Pojo - O governador Tião Viana se reuniu na Casa Civil nesta quinta-feira, 11, com representantes da cooperativa Acremel e da Secretaria de Estado de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof), para tratar de ações que visam fortalecer a cadeia produtiva do mel no Estado. O objetivo é dobrar a produção anual, que hoje gira em torno de 10 toneladas, para 20 toneladas.

Além disso, Tião Viana e os cooperados avançaram em decisões relacionadas à construção de uma fábrica de mel em Rio Branco, cujos projetos já foram elaborados pela Secretaria de Pequenos Negócios (SEPN) e representa INVESTIMENTOS de mais de R$ 300 mil, com laboratório de análise incluso. O governador demandou que a Seaprof proceda de imediato com o processo licitatório para a construção da unidade.

“Vamos avançar para fortalecer o grupo, pois o que importa é a motivação, a vontade de consolidar uma cadeia com êxito”, defendeu o governador, afirmando que com união, esforço e empenho é possível alcançar metas.

Anselmo Forneck, diretor de produção da Acremel, explicou que o entreposto será completo e o formato de produção passará por todos os processos. “O mel chegará do campo para ser centrifugado, homogeneizado, envasilhado e rotulado, para seguir direto para o mercado com análise laboratorial, já que contará com o laboratório incluso também”, detalhou o diretor.

Qualidade produtiva e comercialização
Governo quer dobrar produção de mel de 10 para 20 toneladas
anualmente (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

Para o representante da Acremel, além de conferir uma melhor qualidade ao produto, o feito possibilitará várias demandas externas de comercialização, como para a Itália e Alemanha, que já manifestaram interesse em adquirir o produto. “Com esse apoio do governo, os apicultores se sentirão muito mais fortalecidos e entusiasmados para aumentar sua produção”, acrescentou Forneck.

O secretário da Seaprof, Glenilson Figueiredo, contou que a pasta irá avançar nos trabalhos que estão sendo implementados para o fortalecimento da cadeia. “Vamos promover a capacitação dos apicultores nos 22 municípios do Acre, promovendo a qualificação da produção e a potencialização da produção do mel no Estado”, afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.