10 de out de 2015

JORGE VIANA SE REÚNE COM CÚPULA DE SEGURANÇA E CRITICA FALTA DE INVESTIMENTO NA FRONTEIRA


Jorge Viana se reúne com cúpula da Segurança elogia enfrentamento ao crime e critica falta de investimento na fronteira


Luciano Tavares – Em visita na manhã desta sexta-feira, 09, à sede da Secretaria de Segurança Pública, o vice-presidente do Senado, Jorge Viana (PT), elogiou as medidas do Estado no combate aos atos de violência dos últimos quatro dias no Acre.


Diante da imprensa e ao lado dos secretários de Segurança Pública, Emilson Farias, e de Polícia Civil, Flávio Portela, e dos comandantes da Polícia Militar, Julio César, e do Corpo de Bombeiros, Carlos Gundim, o petista destacou liderança pessoal do governador Sebastião Viana no enfrentamento à criminalidade.

“O medo tomou conta da nossa população, a insegurança é o pior dos problemas. E nessa hora tem que tá todo mundo junto. Ainda bem quem nós temos um governador como o Tião Viana que como ele fez na época da alagação tomou a linha de frente, e também as ações técnicas das polícias. Pra enfrentar o crime organizado a gente já fez isso lá atrás com a força das instituições e o apoio da sociedade.”

O senador lamentou que a ação dos vândalos tenha virado motivo de piada para alguns políticos. O petista disse que esse é um momento em que todos devem se unir.

“Eu só lamento que alguns, até com mandato, tentem fazer piada e tentem tirar proveito numa hora dessas. Tem que está todo mundo unido, independente de partidos e tratar isso com muita seriedade.”

Ao ser perguntado sobre falta de segurança na região de fronteira, o que facilita a entrada de drogas e armas, Viana respondeu criticando a redução nos investimentos.

“Nós somos um Estado de fronteira e lamentavelmente tem diminuído os investimentos na área de fronteira. Quando você tira os investimentos do programa de defesa do país, você também ta dando um sinal e dizendo: olha vai tá mais aberto a possibilidade de entrada de armas e drogas nas fronteiras. E essa é um das doenças do Brasil, a entrada de armar ilegais e a entrada de drogas, que é combustível que os marginais usam para espalhar o medo, destruir as famílias, destruir a vida”

Já o secretário de Segurança, Emilson Farias, agradeceu a intervenção política do senador junto ao Ministério da Justiça para a aceleração de medidas, como a vinda de uma aeronave para o transporte de 15 presos a outros Estados do Brasil, ocorrido ontem, e o envio de homens da Força Nacional.

“Não vamos baixar a guarda, vamos continuar firme no enfrentamento. A participação do governador Tião Viana e do senador Jorge Viana foi decisiva para que a gente retirasse essas 15 lideranças aqui do Estado.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.