10 de nov de 2015

RIO BRANCO É A 8ª ENTRE AS CAPITAIS DO BRASIL COM MAIOR TAXA DE HOMICÍDIOS CONTRA MULHER


Capital acreana registrou, de acordo com o estudo, uma taxa de 8,8 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes


TON LINDOSO - A capital do Acre, Rio Branco, ocupa a nona posição no ranking das capitais mais violentas do Brasil para mulheres em 2013. A informação é do estudo Mapa da Violência 2015 – Homicídios de Mulheres, divulgado nesta segunda-feira (9). No Brasil, a taxa de homicídios contra mulheres no país aumentou 8,8% entre 2003 e 2013.


De acordo com o relatório, o Brasil é o quinto país mais violento para mulheres em um ranking de 83 nações que usa dados da OMS (Organização Mundial de Saúde). No período, em média, 11 mulheres foram assassinadas todos os dias no país. Mais da metade delas, 55%, eram negras.

Rio Branco registrou, de acordo com o estudo, uma taxa de 8,8 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes, taxa mais de quatro vezes maior que a média mundial, 2 homicídios para cada 100 mil habitantes. No Brasil, em 2003, a taxa de homicídios de mulheres era de 4,4 para cada 100 mil habitantes. Em 2013, ano com os dados mais recentes disponíveis, esse índice chegou a 4,8/100 mil habitantes, mesmo patamar de 2012 e o mais elevado da série histórica registrada.

Entre 2003 e 2013, a taxa chegou a registrar queda entre 2006 e 2007, quando o índice passou de 4,2/100 mil habitantes para 3,9/100 mil habitantes. A Lei Maria da Penha contribuiu para a queda dos números.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.