28 de jan de 2016

PREÇO BAIXO DO PETRÓLEO INVIABILIZA O PRÉ-SAL



A cotação em torno de US$ 30 por barril inviabiliza investimentos em novos projetos para extrair petróleo em alto mar, incluindo o pré-sal brasileiro, segundo a Agência Internacional de Energia (AIE). Os preços atuais também tornam arriscada a realização de leilões para abrir frentes de exploração “offshore” no futuro imediato, mas a tendência é de recuperação e a cotação deve voltar ao patamar de US$ 80 até 2020, diz o diretor-executivo da AIE, Fatih Birol.

Ao Valor, Birol disse que se os preços se mantiverem na casa de US$ 30, o PIB de países do Oriente Médio, como a Arábia Saudita, pode cair até 20% e o da Rússia cerca de 10% em 2016. Projetos que estavam na prateleira em nações consumidoras, como o desenvolvimento de óleo e gás não convencional nos Estados Unidos, correm sério risco de paralisação.

FONTE: Valor, via Portos e Navios

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.