1 de abr de 2016

A PRIMEIRA SELFIE NO BRASIL


Uma possível primeira "Selfie" da história do Brasil, não poderia partir de ninguém menos que nosso Imperador. Um auto retrato. Ele posicionou sua câmera fotográfica em uma mesa e com uma corda amarrada a ela, puxou o dispositivo para tirar a foto. Dom Pedro, em uma carta, revelou o segredo do ato: a corda passava por dentro de suas roupas e a mão dentro do seu paletó a puxou.

Possível auto retrato feito no Palácio de São Cristóvão, Rio de Janeiro, aproximadamente em 1860, Dom Pedro II, com aproximadamente 35 anos.

A mais inusitada, seria um auto retrato feito por Dom Pedro, o que hoje chamaríamos de selfie. "Eu diria que foi o primeiro selfie. Dom Pedro era um experimentador, buscava tecnologia. Devemos lembrar que a fotografia nesse período necessitava de um tempo longo de exposição para poder acionar e parar em frente ao equipamento", afirma o historiador e diretor do Museu Imperial Maurício Vicente Pereira.

Muito pouco se conhece até hoje dos amadores que naqueles primeiros anos teriam praticado a Daguerreotipia e os processos subsequentes aqui no Brasil. O Imperador, teria sido um dos primeiros brasileiros a possuir e utilizar o equipamento. Em 1840, aos 14 anos de idade, D. Pedro II, entusiasmado com a nova invenção apresentada por Compte, encomendou um Daguerreótipo a Felicio Luzaghy de Paris, por 250 mil réis, tornando-se assim, o primeiro fotógrafo brasileiro. Ele fez principalmente imagens de paisagens e retratos. Mais tarde, já um grande colecionador e um verdadeiro mecenas dessa arte, atribuiu títulos e honrarias aos principais fotógrafos atuantes no país. Promoveu a arte fotográfica brasileira e difundiu a nova técnica por todo o país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.