26 de set de 2016

ATOR AMERICANO É CONDENADO A MORTE


Profissional das artes foi condenado a morrer por ter matado veterano de guerra

blastingnews - Um dos países mais patriotas do mundo é os Estados Unidos. Por lá, a legislação garante a presença da bandeira americana na maioria dos filmes, até mesmo os pornográficos. Mas não somente isso. Existem leis que protegem os combatentes em guerra. A morte de um deles virou assunto nacional, já que não foi pelo meio natural, mas sim por um #Crime. De acordo com informações do site da revista Veja, em reportagem publicada neste sábado, 24, o ator de teatro Daniel Patrick Wozniak, de 32 anos, teria sido condenado por matar um veterano do Exército dos Estados Unidos, Samuel Herr, de 26 anos, além da amiga dele, Julie Kibushi, de 23, que era estudante. 

A condenação nos Estados Unidos pode levar à morte e foi isso o que aconteceu com o ator americano. O crime, no enanto, não é novo. Ele aconteceu no Sul da Califórnia há seis anos, no ano de 2010. O ator matou o veterano apenas porque esse era o seu vizinho. Daniel acreditava que o veterano tivesse dinheiro guardado em casa. Sem grana para bancar o próprio aluguel e querendo fazer um casamento de pompa, com direito a lua de mel e tudo, ele invadiu a casa de Samuel e o matou. O militar havia recebido 60 mil dólares por conta do seu trabalho no Afeganistão e o ator acreditava que essa quantia estaria na casa de Samuel. 

O profissional do teatro pensou em tudo, assim como os filmes de crime e terror. Ele atraiu o vizinho para o sótão, usando a desculpa que precisava tirar alguns móveis do local. Ele aproveitou que o veterano se ajoelhava e estava de costas, quando atirou pelas suas costas. Em seguida, o criminoso teria cortado a cabela, o antebraço e as mãos do homem, jogando os pedaços do cadáver em um parque da região. O ator confessou que realizou o crime. 

Após matar o veterano, ele usou o celular dele para enviar mensagens para a estudante. A jovem foi atraída para o local e também foi morta. Ela foi assassinada com dois tiros na cabeça. O objetivo do bandido era despistar a polícia, que depois de alguns dias descobriu que ele havia passado uma grande quantia de dinheiro para sua conta. O ator está no presídio de San Quentin. Ele não deve ser morto tão cedo, já que existem 759 outros presos à sua frente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.