2 de jun de 2017

Superintendente diz que não vai aceitar pressão e que movimento para fechar a BR-364 é ‘político’


Empresas definem data de início das obras nesta sexta-feira, Thiago Caetano diz que desta vez não será jogado dinheiro fora


Jairo Carioca - O Superintendente do DNIT no Acre, Thiago Caetano, gravou vídeo e publicou nas redes sociais afirmando que movimento que vai bloquear a BR 364 é político. “Ninguém nos procurou para ter maiores esclarecimentos sobre o cronograma das obras, deixando entender que esse movimento é político” disse Caetano.

Thiago Caetano se reúne na manhã desta sexta para
discutir início das obras da BR-364/Foto: Reprodução

O engenheiro disse que buscou a Federação das Associações de Moradores do Acre pedindo a abertura de diálogo, mas as bases nos municípios resistiram à tentativa. Está programado para as 6 horas da manhã de hoje (2) o fechamento da rodovia no trevo de Manuel Urbano. Amanhã, está programado protesto na cidade de Tarauacá.

“O órgão é técnico, não vamos nos curvar diante de pressão política, nem de sindicatos ou de quem quer que seja, as obras não iniciaram em maio porque foi um mês atípico de chuvas além do programado, seria jogar dinheiro fora” explicou o superintendente.

Uma reunião acontece na manhã de hoje para determinar o início das obras. Caetano afirmou que o trecho de Tarauacá/Feijó será o primeiro a ser iniciado e dentro de três meses o trecho estará com trafegabilidade garantida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.