23 de jun de 2017

“Escolas estão negociando com facções para garantir aulas. Isso é um vexame para a Segurança Pública”, dispara Sinhasique



Da Assessoria - A deputada estadual Eliane Sinhasique (PMDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), na manhã desta quinta-feira (22), para falar da insegurança nas Escolas Estaduais. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), existem escolas fechando acordo com facções para manter a tranquilidade.

“Isso é um vexame para a Segurança Pública do Acre. Diretores de escola precisam fechar acordo com as facções para se sentirem seguros. Essa situação aconteceu na Escola José Ribamar Batista (EJORB), localizada no bairro Aeroporto Velho. É lamentável ver esse tipo de coisa acontecendo”.

Além da Escola José Ribamar Batista, a parlamentar citou que em maio deste ano, um aluno foi baleado na Escola José Raimundo Hermínio de Melo, em Sena Madureira. No começo do mês, soltaram uma bomba no Colégio Glória Peres, em Rio Branco.

“Em vez de se buscar a segurança pública para impedir que a criminalidade chegue nas escolas, estão procurando os próprios criminosos. Essa situação é preocupante! Professores e alunos se sentem ameaçados, coagidos, e não tem a quem recorrer”.

Resultados

Após reclamar do abandono do Centro de Polícia Comunitária do Jorge Lavocat, Sinhasique informa que trabalhadores da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos estavam no local fazendo a limpeza.

“Reclamar dá certo. Nosso papel é alertar os gestores para as falhas existentes. Ontem mesmo falei do Centro de Polícia Comunitária do Jorge Lavocat que estava abandonado e hoje já estavam lá fazendo a limpeza do espaço”.

E aproveitou para pedir que seja dada finalidade ao Box da Polícia Militar do Tancredo: “Já que o box está desativado, o Governo deveria ceder o espaço para a Associação de moradores do bairro para que o espaço fosse aproveitado pela comunidade”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.