1 de jul. de 2022

Bolsonaro segue líder na verdadeira pesquisa DATAPOVO!!

 

Etanol se desvincula de gasolina e já é vendido abaixo de R$ 4,00 em MT

Etanol se desvincula de gasolina e já é vendido abaixo de R$ 4,00 em MT 


Diferença de mais de R$ 3,00 no litro, em relação à gasolina, é o primeiro efeito prático da política de venda direta de usinas a postos.

No momento em que a gasolina experimenta altas seguidas, com o litro ultrapassando a casa dos R$ 7, o etanol faz o caminho inverso e já desceu a ladeira e está abaixo de R$ 4,00 em muitos postos do estado, sobretudo na capital.

Depois de seguidas baixas, o combustível – cuja cotação não segue a volatilidade do petróleo, uma vez que pode ser feito da cana ou milho – tem sido encontrado com mais de R$ 3,00 de diferença no litro, em relação a gasolina.

Há postos vendendo o combustível a R$ 3,85 o litro, em Cuiabá. É a primeira vez, em meses, que o consumidor sentirá, na prática, os efeitos da política de venda direta do etanol aos postos de combustíveis.

Até pouco tempo atrás, o etanol tinha que, obrigatoriamente, passar pelas centrais de distribuição controladas pela Petrobrás, o que fazia com que o combustível seguisse a tendência de altas da gasolina.

Uma Medida Provisória enviada pelo presidente, Jair Bolsonaro (PL), que já defendia a desvinculação como deputado, acabou aprovada no Congresso Nacional, em 2021, permitindo o fim do monopólio de comercialização da estatal.

Desde que os carros flex começaram a ser fabricados, gasolina e etanol ganharam contornos de concorrentes diretos, com o adendo de que o segundo, além do atrativo de preço, tem o apelo de ser um combustível mais limpo e menos nocivo ao meio ambiente.

Since 2019, the Brazilian government has promoted actions to combat organized crime, causing damage to drug trafficking estimated at more than R$ 100 BILLION, a historic record

Desde 2019, o governo brasileiro promove ações de combate ao crime organizado, causando prejuízos ao narcotráfico estimados em mais de R$ 100 BILHÕES, um recorde histórico.

Pela 1ª vez na história, um avião Embraer KC-390 parte rumo à Antártica


Murilo Basseto - A Força Aérea Brasileira (FAB) informou nesta quinta-feira, 30 de junho, que, pela primeira vez na história, um Embraer KC-390 Millennium partiu para uma missão no continente gelado do Sul do mundo.

Embora o jato bimotor multimissão brasileiro já esteja há algum tempo operando na FAB, e já com algumas unidades entregues, até agora o quadrimotor turboélice C-130 Hércules seguia como a aeronave que se deslocava até a Antártica para as missões de entrega de suprimentos à Estação Antártica Comandante Ferraz, da Marinha do Brasil.

Isso acontecia porque os KC-390 ainda não operavam pelo Esquadrão Gordo (1º/1º – Primeiro Esquadrão do Primeiro Grupo de Transporte), baseado na Base Aérea do Galeão e responsável pelo abastecimento da Estação.

Agora, com os dois primeiros exemplares do jato da Embraer tendo sido entregues ao 1º/1º em março deste ano, nesta última terça-feira, 28 de junho, um deles partiu do Rio de Janeiro com destino a Pelotas, no Rio Grande do Sul, marcando a primeira etapa da missão.

O Millennium fará o mesmo procedimento que já era feito com o Hércules, ou seja, partirá para um sobrevoo à estação brasileira de pesquisa, e na passagem sobre o local, fará o lançamento aéreo dos suprimentos, alocados em caixotes que descerão de paraquedas até o gelado solo antártico.

Até esta noite de quinta-feira, a FAB não havia disponibilizado mais detalhes sobre a programação da operação, restringindo-se ao sucinto vídeo apresentado abaixo, com imagens da preparação antes da partida no Rio de Janeiro. O AEROIN trará mais informações conforme foram apresentadas pela Força Aérea.

Bolsonaro critica ignorância sobre política da Amazônia em entrevista à TV dos EUA

Presidente conversou com Tucker Carlson, da Fox News, em programa de maior audiência da TV a cabo norte-americana

Presidente Jair Bolsonaro concedeu entrevista ao Tucker Carlson Tonight, da Fox News | Foto: Reprodução

A Fox News transmitiu para os EUA a entrevista gravada com o presidente Jair Bolsonaro na noite da última quinta-feira, 30. O chefe de Estado do Brasil falou ao jornalista Tucker Carlson sobre temas diversos, da desinformação sobre a gestão da Amazônia ao atual cenário político da América do Sul.

Bolsonaro usou a oportunidade de falar ao Tucker Carlson Tonight, programa de maior audiência da TV a cabo dos EUA, para rebater versões sobre desmatamento descontrolado na área amazônica e o suposto descaso do governo federal sobre o tema.

“Não é verdade isso. Atualmente, dois terços do território brasileiro estão preservados e permanecem intocados, assim como nos anos 1500, quando este país foi descoberto pelos portugueses. Atos criminosos acontecem, não vamos negar isso. Esse tem tem muita visibilidade porque há um interesse enorme em tornar a nossa soberania sobre a região amazônica um fato relativo ou percebido sob uma luz relativa”, comentou o presidente.

“Não dependemos do interesse internacional em preservar a Amazônia. É de nosso próprio interesse e, é claro, queremos que esses esforços de preservação sejam recompensados de alguma forma.”

Confrontado pelo jornalista estrangeiro a respeito de críticas de celebridades norte-americanas, como o ator Mark Ruffalo, Bolsonaro voltou a falar sobre desinformação sobre a Amazônia. O brasileiro também agradeceu ao presidente russo Vladimir Putin pelo apoio sobre a questão.

“Me encontrei com o Putin e agradeci a ele, porque reconheceu a nossa soberania. Ele disse que a Amazônia pertencia ao povo brasileiro, e a ninguém mais”, declarou.

“Se eu me preocupar com todas as críticas, não vou trabalhar. Algumas pessoas não entendem nada sobre a Amazônia, nunca estiveram lá. Convido eles para visitar e sobrevoar, não vão ver nenhum fogo ou devastação. Eles falam porque é moda. Se na Europa você comenta sobre Amazônia e não critica acaba sendo um fiasco. É o que dá visibilidade na imprensa.”

Bolsonaro sobre isolamento dos EUA e outros temas

Na entrevista concedida a Tucker Carlson em Brasília, o presidente brasileiro falou sobre outros assuntos, como o recente avanço da esquerda sul-americana, depois de vitórias em eleições de países como Chile e Colômbia.

América do Sul à esquerda

“Se a esquerda voltar ao poder, em minha visão, ela nunca deixará o poder, e esse país seguirá o mesmo caminho da Venezuela, Argentina, Chile, Colômbia. O Brasil será mais um vagão deste trem. Os perdedores serão a população brasileira e a própria esquerda. Toda a América do Sul será pintada de vermelho, se você me entende, e os EUA se tornarão um país isolado.”

A esquerda no Brasil

“Mesmo antes de o Lula tomar o poder, em 2003, a esquerda já pregava uma disputa de negros contra brancos, nordestinos e sulistas, e trabalhadores versus empresários. A esquerda ganhou seguidores graças a essa abordagem.”

Por que não tomou vacina para covid-19

“Uma pessoa que já tenha sido contaminada, já está imune, e não precisa tomar a vacina. E esse foi o meu caso. Agora, comprei vacina para todos os brasileiros. Eu não obriguei as pessoas a tomarem vacina, eu respeitei a liberdade individual.”

Aborto

“A Suprema Corte norte-americana, quando recentemente trocou o entendimento sobre aborto, a esquerda não gostou disso. Nós gostamos, porque nós defendemos a vida desde a concepção.”

Posse de armas

“Nas eleições, se tudo realmente for bem, nós teremos um apoio substancial no Congresso e poderemos passar leis sobre armas de fogo nas mesmas linhas que os Estados Unidos.”

Barroso é hostilizado em evento em Santa Catarina; veja vídeo

Rússia bombardeia alojamento de mercenários estrangeiros

Geladeiras devem exibir hoje nova etiqueta de eficiência energética

Etiqueta indica diferença de conumo de até 30% entre produtos

Alana Gandra -  partir de hoje (1º), todos os refrigeradores que chegarem ao comércio brasileiro, fabricados nacionalmente ou importados, devem exibir a nova Etiqueta de Conservação de Energia Elétrica (Ence) do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). A nova etiqueta traz três subclasses, indicando diferença de consumo de até 30% entre os produtos mais eficientes. Além disso, introduz um QR Code que, no primeiro momento, vai remeter o consumidor ao status do registro do refrigerador, “se ele está ativo, inativo, suspenso ou cancelado”.

Segundo o chefe da Divisão de Verificação e Estudos Técnicos Científicos (Divet) do instituto, Hércules Souza, “na verdade, tem que estar sempre ativo. Significa dizer que aquele refrigerador atende os requisitos estabelecidos no regulamento e tem liberação aprovada pelo Inmetro para ser comercializado no mercado nacional”.

Hércules Sousa esclareceu que inicialmente, o QR Code vai fazer apenas o link com a página de registro, e o próprio consumidor poderá conferir o status do registro daquele refrigerador. Essa é a novidade que o Inmetro está implementando agora com a nova etiqueta. O chefe da Divet adiantou, entretanto, que existe um projeto em paralelo para dar robustez maior a esse QR Code.

Neste mês, o Inmetro vai contratar empresa que criará uma plataforma, em que não será gerada somente informação do status do registro da geladeira, mas também associará vídeos informativos para a utilização inteligente de refrigeradores, com dicas para o consumidor ficar atento e obter utilização eficiente do produto. Souza informou que o consumidor, a partir do QR Code, vai ser capaz também de acessar uma espécie de calculadora de gastos, para ter ideia do consumo e do valor monetário que terá na sua conta de energia pelo uso de um refrigerador mais econômico, em comparação a um aparelho menos eficiente.

Comparação

“Vai ser possível, usando os valores de cobrança de energia elétrica da região, definir de maneira mais qualificada financeiramente essa informação. E ele (o consumidor) poderá fazer outra coisa, que é comparar refrigeradores da mesma categoria em termos de volume. Ele poderá ainda dizer qual deles é o mais econômico, tem maior eficiência em termos energéticos e também monetários”. Segundo o técnico do Inmetro, a ideia é criar uma ferramenta a fim de promover ainda mais subsídios para a tomada de decisões do consumidor, usando a etiqueta de eficiência nacional de conservação de energia. A previsão é que a plataforma-piloto esteja pronta para ser testada até o fim deste ano. Os condicionadores de ar serão o segundo produto a ganhar QR Code na etiqueta. 

A nova etiqueta para geladeiras introduz as subclasses A+++, A++ e A+ para classificar os modelos que consomem, respectivamente, menos 30%, 20% e 10% de energia do que o tradicional “A”. Com isso, o Inmetro pretende destacar para o consumidor qual o produto que realmente gasta menos energia e incentivar que a indústria adote novas tecnologias em seus produtos, para que se tornem mais eficientes. O comércio varejista tem prazo até 30 de junho de 2023 para continuar vendendo os produtos com a etiqueta antiga. “A gente espera, inclusive, que isso aconteça muito antes da data limite”.

Sousa disse ainda que muitos produtos foram etiquetados na lógica antiga e têm que continuar sendo fornecidos para o consumidor. Ele admitiu, porém, que já podem ser encontrados no mercado produtos com a nova etiqueta. “Muitos produtos já foram etiquetados. Ficou muito a cargo do próprio fabricante ou importador fazer essa mudança. Alguns já se anteciparam à data de 30 de junho de 2022 porque, a partir de 1º de julho, todos os refrigeradores têm que estar etiquetados na nova formatação, mas você poderá ainda encontrar essa convivência da etiqueta antiga com a nova porque, de fato, ele já pode ter escoado a produção para o comércio e não tem como trazer de volta para etiquetar de novo. Seria um duplo trabalho, e a gente não pode impor ao ente regulado”.

O consumidor deve estar atento para conviver com a etiqueta antiga, que fornece apenas a informação de categoria A. As subclasses inseridas agora qualificam melhor esse grupo de geladeiras que se encontra na categoria A. Caberá ao consumidor entrar em contato com o fabricante para tentar entender em que categoria, nessa nova etiquetagem, o refrigerador pode ser considerado. “A gente espera que 100% já estejam com a nova etiqueta, bem antes da data limite de 30 de junho de 2023’. O Inmetro estima que sejam poucos os fabricantes e importadores que ainda não tenham feito a mudança. “Porque interessa também a eles mostrar que o produto dele está em categoria de maior eficiência do que o A, que acabava englobando tudo, sem fazer diferenciação”.

Corrida

Souza reconheceu que haverá uma “guerra” entre os fabricantes para mostrar que o produto deles está no subgrupo A+++ e, portanto, supera os demais. “A etiqueta tem esse papel também de promover a busca por uma eficiência maior. Aí, os fabricantes acabam fazendo essa corrida para oferecer um produto de maior eficiência e, com isso, menor gasto energético, incentivado por uma indústria que adote novas tecnologias em seus produtos para tornar, nesse caso, refrigeradores, de fato mais eficientes. Essa é a ideia mesmo. A gente está provocando essa corrida contra o tempo, para o mercado oferecer refrigerador mais eficiente para o consumidor na ponta”.

O chefe da Divet destacou que o Inmetro conta com a ajuda do consumidor para agir contra fabricantes e importadores que não cumpram o prazo e mantenham geladeiras com etiqueta antiga após 30 de junho de 2023. “A gente pede ao consumidor que, iao dentificar esse problema, entre nos canais do Inmetro. A Ouvidoria é o caminho para fazer denúncias. Se ele encontrou no ponto de venda um produto que não está dentro da nova etiquetagem, a gente vai lá fiscalizar e autuar a empresa responsável por isso”. Souza assegurou que essa é uma prática irregular e mostra que o fabricante ou importador não está cumprindo as regras do regulamento. A parceria com o consumidor ajuda o Inmetro a coibir essa prática. A empresa pode ser autuada, ter o produto recolhido do mercado, além de sofrer multa, cujo valor é determinado de acordo com graus de dosimetria internos aplicados pelo Inmetro.

O Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) para refrigeradores foi atualizado em 2021, por meio da Portaria nº 332, que estabeleceu novas regras para a classificação da eficiência energética dos produtos, por meio da adoção de subclasses para que o consumidor possa identificar quais os modelos de fato mais eficientes dentro da classe A. Foram determinadas mais duas reclassificações, uma em 2025 e outra em 2030, em que o rigor para a classificação da eficiência energética vai aumentando gradativamente. 

30 de jun. de 2022

Brazil remains firm in the fight against corruption, seeking the highest international standards of reference. The Brazilian government launched the National Anti-Corruption Plan with 153 measures

O Brasil segue firme no combate à corrupção, buscando os mais altos padrões internacionais de referência. O governo brasileiro lançou o Plano Nacional Anticorrupção com 153 medidas. Desde então, mais de R$ 30 bilhões foram recuperados ou impedidos de serem perdidos;

Embraer e Pratt & Whitney completam teste de voo 100% SAF com motor GTF em um jato E195-E2

Fort Lauderdale, Flórida, 30 de junho de 2022 - Embraer e Pratt & Whitney realizaram o teste bem-sucedido com motores GTF na aeronave E195-E2 utilizando 100% de combustível sustentável de aviação (da sigla SAF em inglês, sustainable aviation fuel). 

O teste, realizado com um motor utilizando 100% de SAF, comprovou que os motores GTF e a família de E-Jets E2 podem voar com ambos os motores com blends de até 100% SAF, sem comprometer a segurança ou a performance. A aeronave completou dois dias de testes em solo no Aeroporto Internacional de Fort Lauderdale, resultando em 70 minutos de testes de voo no Aeroporto Regional de Vero Beach, na Flórida. 

“O E2 já é a aeronave de corredor único mais eficiente atualmente no mercado, que economiza até 25% de emissões de CO2 quando comparado com as gerações anteriores da aeronave. A redução das emissões pode chegar a 85% ao utilizar 100% de SAF. 

A substituição de aeronaves antigas por produtos de nova geração e a utilização de SAF na produção são as duas ações mais efetivas na aviação comercial para alcançar uma redução significativa das emissões”, afirmou Rodrigo Silva e Souza, Vice-Presidente de Estratégia e Sustentabilidade da Embraer Aviação Comercial. “Embraer e Pratt & Whitney na vanguarda da indústria com produtos que são mais eficientes para nossos clientes e mais sustentáveis para a nossa sociedade. 

Esse teste demonstra que o E2 está pronto para a certificação e operação 100% SAF uma vez que a indústria finalizar a padronização dos combustíveis.”

No momento, os motores Pratt & Whitney e as aeronaves Embraer estão certificadas para operar com uma mistura de até 50% de SAF adicionado ao querosene Jet A/A1, de acordo com as determinações da ASTM International. Especificações futuras permitirão misturas de até 100% de SAF para maximizar o potencial na redução das emissões do uso de combustível derivado de matérias-primas sustentáveis e não fósseis.

“O SAF é uma parte essencial da nossa rota de sustentabilidade e continuamos trabalhando com parceiros e órgãos reguladores da indústria para apoiar o desenvolvimento de um padrão 100% SAF”, afirma Graham Webb, Diretor de Sustentabilidade na Pratt & Whitney. “Este teste comprova que os motores GTF podem operar com qualquer combustível e que a família de jatos E2 está pronta para a certificação 100% SAF assim que a indústria finalizar os padrões para SAF puro.”   

O SAF usado pela Embraer e pela Pratt & Whitney foi 100% SPK de ésteres e ácidos graxos hidroprocessados (HEFA-SPK), adquirido da World Energy. HEFA-SPK é um tipo específico de matéria-prima renovável hidrotratada usada na aviação e é considerada uma das principais alternativas de substituição do combustível convencional para aviação pela Commercial Aviation Alternative Fuels Initiative (CAAFI), devido à sustentabilidade de sua matéria-prima.

O motor Pratt & Whitney GTF™ é o único sistema de propulsão com caixa de redução que oferece os melhores benefícios de sustentabilidade do setor e custos operacionais extremamente competitivos. As aeronaves Embraer E195-E2 que utilizam motores GTF representam a combinação mais ecológica de fuselagem e motor, oferecendo o menor nível de ruído e emissões.


Embraer and Pratt & Whitney Complete 100% SAF Flight Testing of GTF-powered E195-E2 Aircraft

Fort Lauderdale, Fla., June 30, 2022 – Embraer and Pratt & Whitney have successfully tested a GTF-powered E195-E2 aircraft on 100% sustainable aviation fuel (SAF). The test, with one engine running on 100% SAF, validated that GTF engines and the E-Jets E2 family can fly on both engines with blends of up to 100% SAF without any compromise to safety or performance. The aircraft completed two days of ground tests at Fort Lauderdale International Airport, culminating in a 70-minute flight test at Vero Beach Regional Airport in Florida. 
“The E2 is already the most efficient single aisle aircraft flying today, saving up to 25% CO2 emissions compared to previous generation aircraft. This reduction in emissions can be increased up to an impressive 85% with 100% SAF. Replacement of older aircraft by new generation products and scaling up SAF production are the two most effective actions commercial aviation can take now to achieve a significant reduction in emissions,” said Rodrigo Silva e Souza, vice president strategy and sustainability, Embraer Commercial Aviation. “Embraer and Pratt & Whitney are leading the industry with products that are more efficient for our customers and more sustainable for our society. This test demonstrates that the E2 is ready for 100% SAF certification and operation once the industry finalizes standards.”
All Pratt & Whitney engines and Embraer aircraft are currently certified to operate with SAF blended up to 50% with standard Jet A/A1 kerosene, according to ASTM International specifications. Future specifications will enable blends of up to 100% SAF to maximize the emissions reduction potential of using fuel derived from sustainable, non-fossil-based feedstocks. 
“SAF is a core part of our sustainability road map, and we continue to work with industry partners and regulators to support the development of a drop-in standard for 100% SAF,” said Graham Webb, chief sustainability officer at Pratt & Whitney. “This test proves that GTF engines can operate on any fuel, and that the E-Jets E2 family is ready for 100% SAF certification once the industry finalizes the standard for unblended SAF.” 
The SAF used by Embraer and Pratt & Whitney was 100% Hydroprocessed Esters and Fatty Acids Synthetic Paraffinic Kerosine (HEFA-SPK) acquired from World Energy. HEFA-SPK is a specific type of hydrotreated renewable feedstock fuel used in aviation and is considered a leading alternative replacement for conventional jet fuel by the Commercial Aviation Alternative Fuels Initiative (CAAFI), due to the sustainability of its feedstock. 
The Pratt & Whitney GTF™ engine is the only geared propulsion system delivering industry-leading sustainability benefits and world-class operating costs. The Embraer E195-E2 powered by GTF engines represent the most environmentally friendly combination of airframe and engine delivering the lowest level of noise and emissions.

O que Bolsonaro não contou na reunião do BRICS?

Sargento da FAB conquista ouro em mundial realizado na França

Marcus Vinicius D`Almeida foi campeão da Terceira Etapa da Copa do Mundo de Tiro com Arco realizada no domingo (26/06) na cidade de Paris


O Sargento da Força Aérea Brasileira (FAB) Marcus Vinicius D'Almeida foi campeão da Terceira Etapa da Copa do Mundo de Tiro com Arco na cidade de Paris, na França, ocorrida no domingo (26/06). O militar conquistou o 1º lugar, escrevendo, assim, seu nome na história ao tornar o primeiro brasileiro medalhista na competição. A conquista rendeu também duas posições no ranking mundial, levando-o à quarta posição.

Emocionado, o militar descreveu sobre o momento que recebeu a medalha de ouro. "Hoje foi um dia mágico. Quando eu vi a bandeira do Brasil sendo hasteada, que emoção", relatou. O atleta já tem presença confirmada para a Quarta Etapa do Mundial, que acontecerá na Colômbia, em julho deste ano.


Conquista em 2021

O Sargento D’Almeida conquistou também, em 2021, a medalha de Prata no Campeonato Mundial de Tiro com Arco, realizado na Cidade de Yankton, em Dakota do Sul, nos Estados Unidos. A competição contou com a participação de 54 países, representados por mais de 200 atletas, dentre os principais nomes do mundo na modalidade.


Programa Atletas de Alto Rendimento (PAAR)

O Programa Atletas de Alto Rendimento (PAAR) foi criado pelo Ministério da Defesa (MD) com o objetivo de fortalecer a equipe militar brasileira em eventos esportivos de alto nível. Com início em 2008, o Exército Brasileiro (EB) e a Marinha do Brasil (MB) foram os pioneiros na contratação de atletas. Na Força Aérea Brasileira (FAB), o Programa começou no ano de 2014, incorporando 149 atletas. As convocações continuaram nos anos de 2015, 2016, 2018, 2019 e 2021, perfazendo um total de 334 atletas de alto rendimento incorporados.

Atualmente, 140 atletas compõem o quadro militares do PAAR, nas modalidades de natação, atletismo, judô, ciclismo BMX, maratonas aquáticas, taekwondo, ginástica artística, canoagem, salvamento aquático, mountain bike, basquete 5x5, basquete 3x3, triatlo, vôlei de praia, pentatlo aeronáutico, orientação, tiro esportivo (carabina e pistola), paraquedismo e tiro com arco, estando em curso o processo de convocação de novos atletas em 2022, para o recompletamento das modalidades com foco no próximo ciclo olímpico (Jogos Olímpicos e Jogos Mundiais Militares).

Fonte: CDA, por Tenente Daniele Jacovetti

Foto: Reprodução World Archery

Brasil deve crescer até 2% neste ano. Foi o que afirmou o ministro Paulo Guedes, na abertura do Painel Telebrasil

 

Militares da Venezuela são presos na Amazônia com mercúrio para garimpo

Entre os detidos estão um tenente e um coronel da Força Aérea venezuelana

A intenção dos suspeitos era vender o mercúrio em uma área de garimpo | Foto: Divulgação

Dois militares venezuelanos foram presos em Pacaraima, no Estado de Roraima, cidade situada na Amazônia e próxima da fronteira com a Venezuela, com mais de 30 quilos de mercúrio. O material é usado em garimpos, principalmente para a extração de ouro. Outros dois venezuelanos e dois brasileiros também foram detidos.

A prisão em flagrante ocorreu na segunda-feira 27 e foi feita por agentes de uma força-tarefa de Segurança Pública. Foram apreendidos R$ 4 mil em espécie e radiocomunicadores.

O tenente-coronel da Força Armada Nacional Bolivariana José Alberto Torrivila Flores e o primeiro-tenente Alexander Alfredo Noguera Agraz foram detidos com o garimpeiro brasileiro Gilberto Batista da Silva, que trabalha na Guiana, mas cuja família vive na Venezuela.

Outros detidos foram o empresário brasileiro Luiz Leandro Braga Torres e os venezuelanos José Rafael Olmos Narvaez, apontado por Batista como “patrão” do grupo que tentava vender o mercúrio, e Yasmin Aribert Torrivila Flore.

Segundo os investigadores, os suspeitos foram abordados em uma fiscalização de rotina em Pacaraima. Eles estavam em dois carros. O grupo afirmou aos agentes que o mercúrio vinha da Venezuela e que eles se dirigiam para Boa Vista, capital do Estado. Os suspeitos tinham a intenção de vendê-lo em áreas de mineração. O material está avaliado em mais de R$ 100 mil.

Portos do Brasil - 30/06/2022

Conheça o Nauru 1000C, o primeiro sistema desenvolvido no Brasil para operações altamente estratégicas

 

29 de jun. de 2022

Chegamos a mais um mês coma alta de empregos: +277 mil novos postos de trabalho em maio. Já são +4,2 milhões gerados desde o auge da pandemia

 Imagem Brasil 123

Elon Musk fala sobre a inteligência artificial ser boa ou ruim para a humanidade | Legendado

PEC propõe limite a poderes de ministros do STF e mandato de 9 anos

Proposta em fase de coleta de assinaturas na Câmara também proíbe decisões monocráticas em matérias constitucionais

Nova proposta sugere mandato de 9 anos para ministros do Supremo | Foto: Felipe Sampaio/STF

O deputado federal Paulo Eduardo Martins (PL-PR) apresentou proposta de emenda constitucional (PEC) para limitar poderes do Supremo Tribunal Federal (STF) e mudar alguns parâmetros de funcionamento da Corte. O parlamentar levou as sugestões à Câmara na terça-feira 28.

O projeto altera a idade mínima para ingresso no STF, de 35 para 50 anos. A PEC proposta por Paulo Eduardo Martins ainda estabelece mandato de nove anos para os ministros.

A proposta também se concentra em limites a decisões colegiadas do plenário. A intenção é que uma lei ou ato normativo só vai poder ser declarado inconstitucional por dois terços dos membros do tribunal. Hoje, a inconstitucionalidade é válida pela maioria absoluta do STF, em algumas ocasiões por diferença de apenas um voto.

A PEC também proíbe decisões monocráticas em matérias constitucionais. “Atualmente, os membros do Supremo Tribunal Federal têm concedido medidas liminares, monocraticamente, suspendendo a eficácia de leis ou atos normativos sob o pretexto de supostas inconstitucionalidades”, argumenta o deputado na justificativa do projeto.

A PEC de Paulo Martins se junta a outra já em debate no Congresso, que susta decisões do Supremo. A proposta está em fase de coleta de assinaturas. Para que seja oficialmente protocolada e possa tramitar no Congresso, são necessárias 171 adesões de deputados federais.

Ferrovias do Brasil - 29/06/2022 - 🚂 Tem notícia boa sobre as ferrovias do 🇧🇷! Avançam as obras do trecho II da Ferrovia de Integração Oeste Leste! A FIOL II conta com 100 km de novos trilhos

 

Locomotivas Progress Rail - Caterpillar Company 

 
No Trilho - Em 2019 as locomotivas EMD SD70ACe/45 foram transferidas da Rumo para a na unidade da Progress Rail de Hortolândia/SP. Adquiridas pela ALL em 2013, elas ficaram em operação por cinco anos até o final de 2018 na operação Norte da Rumo (Malha Paulista e Ferronorte). 

Das sete unidades, numeradas da 618 a 624 seis receberam uma nova pintura em cor preta e passaram a serem operadas pela VLi na Ferrovia Norte Sul. Em 2020 as locomotivas 624 e 618 voltaram novamente para a operação Norte da Rumo em modo de teste juntamente com a SD80 8080 e a SD70 7044 ambas modelos de demonstração. A locomotiva 621 esta desmantelada em Araraquara, enquanto a 618, 624, 7044 e 8080 foram transferidas para a MRS para operar na Ferrovia do Aço.

Neste vídeo veremos alguns registros que fiz das locomotivas SD70 Progress Rail puxando diversos trens de carga na Malha Paulista, Ferronorte e Ferrovia Norte Sul.

Trem carregado passando na alta na Ferrovia do Aço com locomotiva nova Wabtec AC44i 7382
 

Nos Trilhos de Minas -  Trem carregado de minério na Ferrovia do Aço, composto por 136 vagões gôndolas e trio de Locomotivas GE/Wabtec AC44i. Composição que seguiu para o estado do RJ para exportação da carga, utilizando da locomotiva remota na cauda para auxiliar a composição até o pátio P2-6 em Bom Jardim de Minas-MG, de lá o trem seguiu apenas com as duas do comando. Composição passando por zona rural entre os municípios de Coronel Xavier Chaves-MG e Ritápolis-MG.

Filipe G. Martins no programa Tucker Carlson - Fox News

FIA 2022

Fly the future - EVE

Embraer/ Embraer Commercial Aviation is excited to be back at one of aviation’s premier events – Farnborough International Airshow – and this year we have something very special for guests to look forward to in our Pavilion – the ‘Fly the Future’ Experience.

For over 20 years Embraer have been working on and developing green initiatives to make our aircraft cleaner and quieter with the goal of achieving zero carbon emissions by 2050.

In the Embraer Pavilion you’ll see the bold and viable aircraft concept designs we are currently exploring and evaluating – from new power sources to the shape of the airframe to ensure our new generation aircraft take to the skies sustainably, without impacting the environment.

Fly the future – Energia

Outside the Pavilion, our E195-E2 and E190-E2 aircraft will also be on display, stunning the crowds in their Tech Lion and Tech Shark liveries.

Fly the future - TP

28 de jun. de 2022

Jovem faz poema para o presidente Bolsonaro e deixa todos emocionados

 

Rússia encerrará ofensiva se a Ucrânia se render – Kremlin


Dmitry Peskov, o porta-voz do Kremlin, disse que a Rússia encerrará sua ofensiva na Ucrânia assim que Kyiv se render.

Ele insta as autoridades ucranianas a ordenarem que suas tropas deponham as armas.

“O lado ucraniano pode parar tudo ainda hoje”, disse Peskov, segundo a agência de notícias Agence France-Presse.

“É necessária uma ordem para que as unidades nacionalistas deponham suas armas.”

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky disse repetidamente que as tropas de seu país não se renderão e que eventualmente serão vitoriosas na guerra.

A Otan é um bloco agressivo

Após o fim da reunião do G7, os líderes mundiais devem chegar a Madri mais tarde para uma cúpula da aliança da Otan, onde devem aprovar planos para aumentar o número de tropas em alerta máximo para mais de 300.000.

Falando antes da cúpula, o Kremlin descreve a Otan como um “bloco agressivo” criado para o confronto, segundo a agência de notícias Reuters.

Os comentários do porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, vêm depois que o G7 se reuniu mais cedo – e fez suas declarações sobre os movimentos contra o petróleo russo, o ouro e a crise mundial de alimentos.

Em uma teleconferência com repórteres, ele disse que a invasão da Ucrânia pela Rússia – que ela chama de operação militar especial – está correndo de acordo com os planos e atingirá seus objetivos.

A Otan – a Organização do Tratado do Atlântico Norte – é uma aliança militar defensiva com 30 membros. Os membros concordam em ajudar uns aos outros se forem atacados.

A Suécia e a Finlândia solicitaram a adesão à aliança por causa da guerra na Ucrânia.

FONTE: BBC

'De volta ao carvão': buscando saída para crise energética, europeus colocam ecologia em 2º lugar

Golpe com Pix em Tarauacá, fique esperto! - Utilidade pública


Me surpreendeu saber que ainda tem comerciante em Tarauacá que não está sabendo do novo golpe que pessoas de má fé estão dando na cidade.

Trata-se do Pix agendado.

Como funciona o golpe?

O(a) meliante (só chamando assim), passa o pix, mas passa agendado, e assim que sai da loja ou empresa cancela o pix e o empresário pensa que recebeu.

Como muitos empresários não têm o costume de conferir, o golpe passa desapercebido.

O comerciante deve a partir de agora quando for receber com pix, pedir o comprovante e verificar se o pix foi agendado, se o consumidor não quiser refazer, chame a polícia imediatamente.

Afinal... Existe boicote da Europa à carne do Brasil?

Virgin Orbit recebe licença da AEB e FAB para operar no Centro de Lançamento de Alcântara

LONG BEACH, Califórnia — 27 de junho de 2022 A Virgin Orbit, juntamente com a Agência Espacial Brasileira (AEB), tem o prazer de anunciar que a Virgin Orbit recebeu formalmente uma licença de operadora para permitir as operações de lançamento do LauncherOne no Brasil. A licença é concedida à Virgin Orbit Brasil Ltda (VOBRA), uma subsidiária brasileira recém-formada e de propriedade integral dedicada a trazer o sistema de lançamento de foguetes LauncherOne para o Centro de Lançamento de Alcântara (CLA).

A formação da VOBRA para atividades espaciais brasileiras, visa trazer uma nova e importante capacidade para o país e valor econômico para a região. O sistema LauncherOne da Virgin Orbit, que usa uma aeronave Boeong 747 customizada, Cosmic Girl, como plataforma de lançamento voadora e totalmente reutilizável, realizará lançamentos da base aérea existente no local brasileiro, voando centenas de quilômetros antes de lançar o foguete diretamente acima do equador, um ponto ideal global, ou em outros locais ideais identificados para cada missão individual.

Espera-se que o sistema de lançamento da Virgin Orbit dê a Alcântara a oportunidade de se tornar um dos únicos espaçoportos continentais do mundo funcionalmente capaz de atingir qualquer inclinação orbital. Todo o equipamento necessário para a Virgin Orbit realizar um lançamento em órbita é totalmente transportável, desde o foguete, até os ativos terrestres que o preparam para o voo, bem como a própria aeronave. Essa capacidade permite que a equipe transporte todo o sistema com segurança, realize uma campanha de lançamento e retorne a uma das outras instalações da empresa sem a necessidade de qualquer outra construção além da base aérea brasileira.

O Centro de Lançamento de Alcântara já recebeu vários lançamentos de foguetes suborbitais, mas a instalação ainda não foi utilizada para atingir a órbita terrestre. Ao facilitar a introdução dessa capacidade, há muito procurada em Alcântara, a Virgin Orbit, AEB e a Força Aérea Brasileira (FAB) esperam criar uma nova competência significativa para a área.

Após o cumprimento de todas as formalidades exigidas pela FAB e a conclusão de todas as diretrizes do CLA, o LauncherOne poderia realizar o primeiro lançamento de classe orbital doméstico para o Brasil já em 2023. “Estamos muito animados para trazer capacidade de lançamento orbital para o Brasil”, disse Dan Hart, CEO da Virgin Orbit. “Nossa pequena área de cobertura e o exclusivo sistema móvel LauncherOne nos permitem trabalhar com o país na realização de seu primeiro lançamento doméstico para a órbita da Terra, enquanto acessamos uma série de inclinações orbitais a apenas dois graus ao sul do equador e sem a necessidade de nova infraestrutura permanente. Aproveitar as instalações existentes no Centro Espacial de Alcântara é importante para nós em nosso compromisso com a sustentabilidade e esforço para abrir o Space For Good. Estamos ansiosos para trabalhar juntos para assumir as próximas possibilidades”.

“O Virgin Orbit é um excelente provedor de transporte espacial, muito adequado para lançamentos rápidos e dedicados de pequenos satélites”, disse Carlos Moura, presidente da Agência Espacial Brasileira. “Acreditamos que a Virgin Orbit pode melhorar suas capacidades decolando do Espaçoporto de Alcântara. Clima agradável, aeródromo maravilhoso, espaço aéreo livre e sistemas de rastreamento proficientes. Juntos, podemos fazer muito mais”.

Brasileiro que 'peitou' Barroso em Oxford manda recado ao povo brasileiro (veja o vídeo)


O brasileiro Alexandre K. Kunz que se tornou conhecido desde a manhã deste sábado (25), após chamar o ministro do Supremo Tribunal Superior (STF), Luis Roberto Barroso, de mentiroso, veio a público mais uma vez para explicar o motivo de ter peitado o magistrado e aproveitou para mandar uma importante mensagem aos brasileiros patriotas.

O fato ocorreu na Universidade de Oxford, na Inglaterra, durante realização do Brazil Fórum UK 2022, do qual Barroso era um dos palestrantes.

Junto com uma mulher, não identificada, Kunz confrontou afirmações distorcidas do ministro sobre implementação de voto impresso no Brasil.

O vídeo viralizou nas redes e o fato foi noticiado aqui no JCO.

Mas, dois novos vídeos passaram a viralizar neste domingo (26). Um deles traz o momento em que Alexandre, que viajou dez horas, da Irlanda do Norte, onde vive, até Oxford, é expulso do evento. A edição traz imagens da câmera de uma outra participante e do próprio celular do brasileiro.

O segundo vídeo contém a mensagem gravada por ele diretamente aos brasileiros, no qual ele revela o motivo que o levou a tomar uma atitude tão corajosa.

"A gente tem que tomar um lado e esse lado é o Brasil. A gente tem que fazer a nossa parte. Nós somos a próxima geração. Não dá pra deixar só o outro lado tomar as decisões e a gente só aceitar as coisas . Temos que aproveitar o momento agora, enquanto dá tempo. Depois, será tarde demais. Que Deus abençoe a nação Brasileira". Disse Kunz agradecendo o apoio que tem recebido.

Um gesto de patriotismo que precisa ser lembrado e exaltado!

Veja os vídeos:

Bolsonaro: "Em virtude da Lei Complementar nº 194, de 23/06/22, os Governadores começam a reduzir a alíquota do ICMS dos combustíveis em seus respectivos Estados"