6 de mar de 2017

JOGO BAIXO CONTRA O DNIT OBRIGA ÓRGÃO A EMITIR NOTA DE ESCLARECIMENTO, O BOM É QUE CADA VEZ MAIS OS CONTRÁRIOS PROMOVEM O ÓRGÃO



NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) no estado do Acre vem por meio desta esclarecer o incidente ocorrido junto a ponte sobre o igarapé Cigana (a cerca de 20 km de Cruzeiro do Sul) na BR-364/AC, dado a grande quantidade de matérias e notas lançadas na imprensa que não condizem com a realidade dos fatos. Na última sexta-feira, dia 03/03/2017, fomos informados a respeito de um grande afundamento junto ao encontro da referida ponte, de imediato solicitamos que a empresa que presta serviços ao DNIT naquele local se fizesse presente e realizasse uma primeira avaliação da situação. No mesmo dia encaminhamos três engenheiros ao local, que no sábado pela manhã já estavam realizando uma avaliação completa. Dado as fortes chuvas que ocorreram ao longo da madrugada de sexta e ao longo da manhã de sábado, a situação ao redor da ponte evoluiu, tornando-se ainda mais instável, impedindo a execução de quaisquer serviços junto ao encontro da ponte, que poderia ruir de forma brusca, colocando em risco a segurança dos trabalhadores e trazendo danos ainda maiores a estrutura da ponte. 

Assim, o DNIT acionou a empresa que buscasse uma rampa metálica próximo ao rio Gregório para instalar no local, porém o caminhão prancha da empresa apresentou problemas no caminho e não conseguiu chegar domingo pela manhã ao local. 

Dado a importância em reestabelecer o tráfego na rodovia, foi solicitado aos engenheiros uma nova avaliação do local no domingo; após vistoria fomos informados que o maciço de solo havia apresentado indícios de estabilidade, assim, de imediato determinamos a empresa que executasse um reaterro no local para liberar o fluxo; como não havia solo seco próximo ao local, entramos em contato com a Associação Comercial de Cruzeiro do Sul, que prontamente aceitou (junto com diversos empresários) realizar uma PARCERIA com o DNIT, os empresários forneceram os solos secos que tinham em estoque, bem como auxiliaram no transporte e disponibilizaram equipamentos, com o intuito de acelerar a execução do serviço, SENDO O MESMO EXECUTADO E ACOMPANHADO PELO DNIT. 

Assim, ainda no domingo pela tarde o tráfego foi liberado. O DNIT esclarece ainda que manterá equipe de plantão no local, dado a instabilidade do terreno ao redor da ponte ainda apresentar riscos e que já está providenciando as tramitações necessárias para resolver este problema de forma definitiva. O DNIT agradece a todos que contribuíram e coloca-se a disposição para maiores esclarecimentos.

Um comentário:

  1. bom trabalho Dnit, e o principal é colocar a verdade para que as mentiras não se tornem 'verdadeiras'

    ResponderExcluir

Atenção:
Comentários ofensivos a mim ou qualquer outra pessoa não serão aceitos.